segunda-feira, 8 de agosto de 2011

O que é comunicação não-violenta?

Por indicação de uma amiga li o livro de Marshall Rosenberg, Comunicação Não-Violenta. E fiquei muito maravilhada com as possibilidades de dialogarmos com clareza e empatia.
A comunicação não-violenta nos ajuda a compreender as nossas necessidades que não estão sendo atendidas e as do outro, estabelecendo assim uma empatia. Ela parte do princípio que todos os conflitos se originam da falta de clareza e esforço para sentir as nossas próprias necessidades e da outra pessoa e nos ajuda a identificar a humanidade inerente em todos os seres humanos.

É uma técnica muito bonita, que se todos tivessem a oportunidade de aprender e colocar em prática, boa parte dos nossos problemas de entendimento seria solucionado. O grande desafio é saber como podemos pedir e mostrar as nossas necessidades sem parecer uma exigência, o que diminui as chances de sermos atendidos. E aceitar com compaixão aquelas que não serão imediatamente supridas apenas porque desejamos.

Os nossos conflitos internos existem porque não sabemos como expressá-los para o outro. Convenhamos, se disséssemos o que nos aflige para quem supostamente está envolvido na nossa rede de tensão, isso certamente seria resolvido numa conversa, por mais que não fosse simples. Ninguém é obrigado a entender e captar as nossas “indiretas”. Para que possamos conseguir aquilo que precisamos é necessário falar com clareza e objetividade e ouvir as necessidades dos outros não apenas com os ouvidos, mas com todo nosso Ser trabalhando.

Agora que já concluí o livro segue o desafio de transformar toda a teoria em prática buscando mais harmonia nos relacionamentos. E, é claro com esperança de fazer em breve o curso!

#Fica a dica: Comunicação Não-Violenta, de Marshall Rosenberg. 

4 comentários:

Mariana Angeli disse...

Cada vez mais sinto que devo ler esse livro. E o mais rapido possivel... ainda mais após ler a sua visão sobre ele!!! Obrigada. Mesmo, mesmo. Beijos.

Flor Baez disse...

Oi Mari,
Leia mesmo! É um bom presente para o nosso Ser!
Bjs, bjs

Rodrigo disse...

Adorei a indicação. Gosto muito de leituras agradáveis e instrutivas. Atualmente, estou lendo pela 4ª vez, o Livro A Arte da Felicidade, porque para isso eu existo (para ser feliz). Indicaram-me um livro baseado em Carl Gustav Jung, chamado o Mapa da Alma, de autoria de Murray Stein, que fala sobre o inconsciente, arquétipos, etc, tema que pretendo conhecer para ampliar a cuca e deixa-la cada vez mais "mente aberta" (como se diz). Após, e isso se eu não conseguir, quem saber, ler ao mesmo tempo (risos) irei adquirir esse livro que você está indicando, pois realmente a comunicação é muito importante na nossa vida. Pela palavra erguem-se e destroem-se impérios! Querida, adorei seu blog, eu gostaria que ficasse sabendo disso, e agora irei seguir você. Caso quiser fazer parte da minha lista de amigos, também será um prazer. Permaneça na Luz. Tenhas um ótimo dia!
RODRIGO

Flor Baez disse...

Oi Rodrigo! Que legal a sua visita! Já adorei pelo seu comentário! Sempre quis ler a arte da felicidade, mas ele nunca chegou nas minhas mãos.

Eu tenho muita vontade de conhecer melhor o Jung, pois gosto muito de estudar os aspectos da mitologia. Vou correr atrás do "Mapa da Alma". Acho que você vai gostar de ler o blog "Ser Luminoso", depois dá uma passada lá.

A comunicação não-violenta é muito bom, você lê rapidinho, porque ele te envolve. E é exatamente isso, a comunicação destrói e ergue impérios! Então pensando numa comunicação que trabalha com o Ser e com o reconhecimento das nossas limitações, outra perspectiva se abre!

Rodrigo, também estou muito feliz em conhecê-lo, acho que vamos trocar muitas coisas por aqui!
Bjs